associação comercial e industrial de arcos de valdevez e ponte da barca

Caixas automáticas: diferença entre ATM e Multibanco?

in Notícias Gerais
Criado em 20 julho 2020

A confusão entre ATM e Multibanco é comum, mas há uma diferença essencial: a cobrança de taxas de levantamento. Saiba como evitá-las.

Para a maioria das pessoas são a mesma coisa, mas há diferenças entre as caixas ATM e multibanco que lhe podem vir a pesar na carteira.

É que no caso das ATM (Automatic Teller Machine) algumas operações bancárias tão banais como levantar dinheiro podem ter comissões associadas. Pode evitá-las e poupar dinheiro se estiver informado. Siga os nossos conselhos.

DIFERENÇAS ENTRE ATM E MULTIBANCO

Embora nos tenhamos habituado a tratar por “multibanco” qualquer caixa automática, a verdade é que nem todas são iguais. As diferenças entre as ATM e Multibanco podem estar não só nas entidades que as gerem, mas também nos públicos a quem se destinam, nas operações que permitem realizar e nas taxas cobradas.

ATM destina-se sobretudo aos turistas

Embora todos as possam utilizar, as caixas ATM são especialmente direcionadas para turistas. Não é por isso de estranhar que se encontrem nas maiores cidades do país e em locais como shoppings, aeroportos ou na proximidade de hotéis.

As ATM permitem realizar menos operações que as caixas Multibanco e são mais simples de utilizar. Essencialmente, o público estrangeiro utiliza estas caixas eletrónicas para levantar dinheiro.

Marcas diferentes

Gerida pela SIBS (Sociedade Interbancária de Serviços), a rede Multibanco é, sem dúvida, a mais conhecida entre os portugueses.

Mas há outras empresas a operar no país, como é o caso da Euronet Worldwide. Nascida na Hungria em 1994, a rede de ATM da Euronet é uma rede internacional de caixas eletrónicas.

Por se tratar de uma oferta direcionada essencialmente a turistas, esta rede pretende facilitar a realização de operações bancárias utilizando contas estrangeiras.

Em Portugal, tem como concorrente direto a ATM Express, a rede da SIBS dedicada ao público estrangeiro.

Caixas Multibanco permitem mais operações

As ATM possibilitam normalmente três operações: transferências, pré-pagamentos, levantamentos e consulta de saldos.

Já as caixas multibanco possibilitam outras operações como comprar bilhetes de transportes, fazer depósitos, pagamentos ao Estado, carregar telemóveis, pedir cheques, entre outras.

Nalgumas ATM  são cobradas taxas de levantamento

Embora ofereçam serviços semelhantes as caixas ATM podem debitar-lhe comissões por serviços que está habituado a fazer na rede multibanco, sem custos.

Um desses serviços é o levantamento de dinheiro, que no Multibanco não tem custos. Já se o levantamento for feito numa ATM pode ter que pagar uma comissão, se a máquina assumir que essa operação é a crédito.

Levantamentos a débito e a crédito: quais as diferenças?

Os levantamentos efetuados a crédito têm uma comissão associada, enquanto os levantamentos a débito são gratuitos. Nas caixas ATM a opção que está definida por defeito é o levantamento a crédito, enquanto no multibanco é o débito.

É bem provável que um levantamento efetuado numa caixa ATM lhe custe uma comissão. Especialmente se a rede que a gere for estrangeira como é o caso das ATM da Euronet, em que a única opção de levantamento é a crédito.

Comissões cobradas sem aviso  

As comissões cobradas nos levantamentos a crédito, também conhecidos por “cash advance” são variáveis em função das condições da conta e do banco de cada utilizador.

Em princípio, essa comissão tem um valor fixo por levantamento e um valor variável que depende do valor que levanta. Esses valores são definidos pela entidade que emite o cartão bancário.

Além de estar sujeito ao pagamento de comissões, não irá receber nenhum aviso por isso.

DIFERENÇA ENTRE ATM E MULTIBANCO: COMO SE PODE PRECAVER?

Verifique se está numa caixa Multibanco ou ATM antes de levantar dinheiro

Para evitar correr riscos e surpresas desagradáveis deve estar atento à “caixa” a que se dirige. Se é ATM ou sé Multibanco.

Saber a diferença entre caixas ATM e Multibanco é fundamental para não haver enganos. Se puder escolher, decida-se pelas últimas.

Verifique qual a opção que surge por defeito num levantamento: débito ou crédito?

Se tiver mesmo que levantar dinheiro numa ATM terá que ter atenção redobrada porque o sistema pode assumir que o levantamento é a crédito. Ainda assim, pode permitir-lhe alterar a operação para um levantamento a débito. Podendo, faça-o.

Pague com cartão em vez de levantar dinheiro

Outra hipótese é evitar fazer levantamentos e pagar com o cartão as compras que efetuar no próprio estabelecimento. Desse modo, contorna o risco de lhe serem cobradas comissões de levantamento.

Confira se o seu “cartão multibanco” não é também de crédito

Um dos primeiros e mais básicos cuidados que deve ter é verificar se o cartão bancário que utiliza para fazer levantamentos é apenas de débito ou tem também a opção de levantamentos a crédito.

Tenha atenção redobrada se tiver um cartão dual (débito + crédito)

Se tiver um cartão dual, que junta as funções de débito e de crédito num só, preste atenção àquela que aparece por defeito. Se for a crédito tenha cuidado para não pagar comissões cash advance.

Contacte a empresa que gere a rede ATM

Sim. Ainda tem uma última oportunidade para tentar reaver a comissão que lhe foi cobrada, no caso de já ter realizado a operação.

Poderá sempre contactar a Euronet ou a SIBS (se tiver utilizado uma ATM Express) e apresentar os seus motivos, embora não haja garantia de que o seu dinheiro lhe seja restituído.

Fonte: e-konomista.pt, 16/7/2020