associação comercial e industrial de arcos de valdevez e ponte da barca

Projetos de inclusão social e emprego têm novo apoio de 7 milhões de euros

in Notícias Gerais
Criado em 09 março 2018

As candidaturas estão abertas até às 18h00 do dia 10 de maio e devem ser efetuadas através do registo no Balcão do Portugal 2020 e na Plataforma de Formulários da Portugal Inovação Social.

A Portugal Inovação Social acaba de anunciar a abertura das candidaturas ao instrumento de financiamento “Parcerias para o Impacto”, destinado a apoiar, com um total de 7 milhões de euros, projetos inovadores nas áreas da inclusão social e do emprego.

Com a abertura deste concurso, a entidade pretende apoiar a implementação, crescimento ou expansão de iniciativas de inovação e empreendedorismo social, ou seja, iniciativas que estejam a procurar mitigar ou solucionar, de forma criativa e diferente dos modelos tradicionais, problemas que afetam a nossa sociedade, sobretudo os grupos mais vulneráveis da população.

Este instrumento de financiamento específico apoia estes projetos através de um modelo de cofinanciamento em que 30% do custo total do projeto deve ser assegurado por investidores sociais, sejam eles entidades públicas ou privadas, garantido a Portugal Inovação Social, através do Programa Operacional Inclusão Social e Emprego, os restantes 70%.

Este modelo de cofinanciamento tem como objetivo criar práticas de investimento social que tragam novos atores – públicos e privados – e maior escala ao financiamento destes projetos, estimulando a filantropia de impacto social.

Na sequência de concursos anteriormente realizados no âmbito dos instrumentos de financiamento “Parcerias para o Impacto e Títulos de Impacto Social”, a Portugal Inovação Social está já a apoiar 38 projetos inovadores nos mesmos domínios temáticos (inclusão social e emprego), nas regiões Norte, Centro e Alentejo.

Recorde-se que a Portugal Inovação Social é uma iniciativa pública nacional, pioneira na Europa, criada para promover a inovação e o empreendedorismo social em Portugal, através da mobilização de cerca de 150 milhões de euros em Fundos Europeus Estruturais e de Investimento, no âmbito do Portugal 2020. Para este fim, gere quatro instrumentos de financiamento que se complementam e que acompanham o ciclo de vida dos projetos: Capacitação para o Investimento Social

Fonte: jornaleconomico.sapo.pt, 9/3/2018